terça-feira, 28 de maio de 2013

A minha última poesia de amor

Imagem por: ~moOnxinha

A minha última poesia de amor
Depois de tantas que já fiz
Obviamente, só pode rimar com dor
Pois este é o resultado infeliz

De agora em diante, apenas escreverei
Poesias que falem o que sinto realmente,
De tudo que fiz e de tudo que tentei,
De tudo que foi em vão somente

Na verdade, já não sei o que escrever
A partir de hoje não sou mais poeta
De agora em diante poesia apenas para ler

Escrever poesia não é mais minha meta
Vou em busca de algo que me orienta
Pois a poesia de amor não me representa

Por: Lima Júnior

2 comentários:

  1. Pra quê desistir da poesia?
    se no atual momento
    diante desse seu tormento
    nada servirá de guia?


    www.amantesdiamantes.blogspotcom

    ResponderExcluir
  2. Não sei muito de poesia
    Toda vez eu me embaralho
    Mas se fosse tu, eu respondia
    Que essa conversa vai ser do caralho!

    ResponderExcluir